Todo mundo tem mas ninguém sabe o que é!

Muitas vezes quando acordamos, percebemos uma bolinha de secreção no canto dos olhos. Aquilo, nada mais é do que o ressecamento do líquido que compõe a lágrima, uma espécie de “resto de lágrima”. Ela é formada enquanto dormimos, quando as lágrimas se acumulam nos cantos dos olhos fechados. Com a evaporação da parte líquida, resta uma fusão da parte gordurosa da lágrima e
sujeira.

Nossa lágrima é formada por 3 componentes: uma camada de muco, que aprisiona partículas de poeira; uma camada líquida, que fornece sal, proteínas e outros componentes importantes para a saúde da córnea; e uma camada gordurosa, mais externa, secretada pelas glândulas de Meibomius que ajuda a prevenir a evaporação da lágrima na superfície do olho.

Depois que as lágrimas são produzidas, elas se espalham pelo olho graças ao movimento de abrir e fechar das pálpebras. O excesso dela é levado para o canto do olho, junto com poeira e todo tipo de sujeira que chega à nossa visão. À noite, nossas glândulas lacrimais reduzem a produção da parte aquosa da lágrima absorvida pelo duto lacrimal, mas continuam a produzir muco e gordura. O ressecamento dessa secreção dá origem à remela ou ramela, as duas formas estão certas.

Tradição Mondaine

Com quase 60 anos de atuação, a Mondaine é uma das marcas de relógios mais conhecidas do Brasil. Com foco no público feminino, a Mondaine sempre coloca em suas coleções peças modernas, femininas, versáteis e combinando com a moda.

Do clássico ao atual, do chic ao esportivo, sempre tem um relógio Mondaine que combina com você. Cada look merece um relógio especial e que te deixe mais bonita.

E quem quer ficar sempre linda e elegante, a Aliança de Ouro tem vários modelos da marca que vão te conquistar.

E os novos lançamentos especiais para o Natal:

 

 

Gostou? Então vá agora mesmo a uma das lojas da Aliança de Ouro, garanta o seu e entre na moda!

Exercícios físicos previnem doenças oculares

Pesquisadores da Universidade de Cambridge, na Inglaterra, realizaram estudos durante 17 anos com cinco mil voluntários e verificaram que as pessoas que praticavam exercícios físicos regulares apresentavam menor pressão intraocular.

Uma das teorias dos pesquisadores para explicar essa relação, sugere que a atividade física resultaria em uma drenagem eficiente do humor aquoso, líquido que preenche e nutre parte do globo ocular. Se este não é escoado direito e se acumula, faz pressão no globo, como se ele estivesse cheio demais e este excesso seria maléfico à  saúde dos olhos.

O estudo observou ainda que o abastecimento de sangue nos olhos de quem foge do sedentarismo é mais eficaz. E isso deixaria o olho mais resistente ao glaucoma. Procure um médico especializado em esportes antes de começar a praticar qualquer atividade física e use os equipamentos adequados.

Uma piscadinha….

Piscar é uma ação comum a todo o ser humano, que acontece 20 vezes por minuto, mas você já
parou para pensar porque piscamos?

Um dos motivos é a lubrificação natural da córnea pelas lágrimas. A lágrima é uma secreção da
glândula lacrimal, que existe no canto interno de cada olho. O ato de piscar serve para espalhar a
lágrima pela córnea, a superfície dos olhos. A córnea é a parte anterior e transparente dos olhos que
os protege e permite a entrada nele de luz para a formação de imagens. A córnea é um tecido que
não pode ficar ressecado, se isso ocorrer, não conseguiremos enxergar.

Há duas situações de nosso cotidiano que ilustram essa função de lubrificação. Quando assistimos
muito tempo televisão ou ficamos muito tempo de frente a tela do computador, nossos olhos ficam
mais rapidamente ressecados e piscamos mais frequentemente. Isto ocorre, pois a luminosidade
desses aparelhos causa a evaporação das lágrimas.

Também piscamos mais frequentemente naqueles dias em que a umidade relativa do ar está mais
baixa que o normal. Outro motivo para piscar é a remoção de corpos estranhos como poeira e
microorganismos (bactérias e fungos) que existem naturalmente no ar e estão o dia todo caindo na
córnea.

Você já deve ter observado que quando cai um cisco nos olhos, em seguida lacrimejamos. Esse é
um mecanismo de defesa para que o objeto estranho seja expulso e não atrapalhe a visão. Além
disso, nas lágrimas existe a enzima lisozima, que mata bactérias, protegendo nossos olhos.

Vale lembrar que nunca se deve lubrificar os olhos com colírios sem a prescrição médica, pois
eles podem prejudicar e muito a saúde dos olhos. Em qualquer situação de desconforto excessivo,
procure imediatamente um oftalmologista.